Depoimento de Raquel Carolina da Silva “Santa Clara”

5 de julho de 2010 at 11:00 2 comentários

“Familia Santa Clara tinha que ser sobrenome!!!

que saudade eu sinto! Vontade de voltar no tempo, de ser criança de novo. De ser filha de Eliete e Cícero, de ter um monte de irmãos.

Meu DEUS que infância maravilhosa!!! Rodeada de cuidados, de amor… de gente inteligente e culta pra nos ensinar a ser gente humilde, gente boa.

Eu sou o que sou por que eu estive em Santa Clara dos meus 9 aos 20 anos.

Aprendi tudo que sei com tio Cícero e tia Eliete. Eu dizia que queria ser Tia Eliete quando eu crescesse. Hoje com 30 anos, percebo que falta muito pra isso.

Graças a eles estudei administração de empresas na Faculdade da Cidade e hoje sou coordenadora da produtora USINA 21 artes onde trabalho com projetos ligados a cultura e artes, como o espaço Tom Jobim no Jardim Botânico, calendário cultural da praça Tiradentes e outros.

Isso não seria possível se não tivesse recebido a educação, a formação cultural e psicológica que recebi deles.

Mas pra tudo ser perfeito e completo eu percebi que preciso retribuir o cuidado, o colo, a educação, o amor… na mesma medida que recebi, eu devo isso a vocês.

Pois sou filha de Santa Clara e não pode ser diferente

Não quero dizer:fui filha de santa clara

Nestes 20 anos de Família Santa Clara eu sinto que devo ser mãe em Santa Clara.

Eu quero ser mãe, tia… irmã mais velha Pois Santa Clara já tem até netos, Santa Clara é vovó. Tio Cícero e Tia Eliete são avós de muitos netinhos, netinhos que nem conhecem ainda.

E eu quero continuar fazendo parte desta família. Quero ser eterna filha de Santa Clara

As canções da infância, o “boa noite” do tio Cícero, a algazarra da turminha barulhenta na hora das brincadeiras, os conselhos da tia Eliete, tenho tudo isso gravado no fundo da minha memória e do meu coração.

Tenho saudades até das broncas, das grandes reuniões que eram feitas com todos juntos, para colocar a casa em ordem, esclarecer as dúvidas, tirar os medos, passar segurança, e deixar os traumas do passado muitas vezes dolorosos pra trás…

Agradeço a Deus todos os dias pelo privilégio de ter passado por esta família. Peço a Deus que me dê condições de ser uma ajudante, retribuindo o bem que me foi feito e que possa ser parte atuante na minha família que tanto amo .

Muito obrigada por existirem. Deus acertou na fórmula quando criou vocês. A minha vida não seria a mesma sem vocês, em todos os aspectos.

Um grande beijo
Raquel Carolina da Silva”

Anúncios

Entry filed under: Depoimentos.

Depoimento do Desembargador Siro Darlan ao RJTV

2 Comentários Add your own

  • 1. green smoke discount  |  17 de abril de 2013 às 6:31

    would love for you to bring back the strawberry flavour.
    love to check it out!!!!

    Responder
  • 2. Anônimo  |  14 de junho de 2013 às 17:19

    Tb sou filha da Santa Clara,fui recebida com mto amor pelo Tio Cicero e Tia Eliete…Estou passada por saber que acabaram com um projeto lindo,que dá amor,educação e carinho pra muitos que nunca o sentiram,,.Hj sou uma mulher adulta com família e moro em Portugal…Muitos valores adquiri la….Lugar abençoado!Obrigada por tudo que me ensinaram,na formação do meu carater!!!bjo

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Atualizações Twitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.


%d blogueiros gostam disto: